TEMPOS ÁSPEROS

“Tempos Ásperos” de Mario Vargas Llosa (Arequipa, Peru, 1936) recorre a fatos históricos para construir uma trama interessante. O autor parte do relato da tentativa de democratizar, modernizar e tornar menos desigual social e economicamente a Guatemala, o que se deu durante aproximadamente uma década entre os anos 1940-50. Tal empreitada findou com o golpe de estado que obrigou à renúncia o presidente Jacobo Árbens em 1954 e teve como consequência a restauração de sucessivos governos autoritários e pouco empenhados ou sem capacidade para fomentar o necessário desenvolvimento do País. A derrubada de Árbens parece ter sido arquitetada nos Estados Unidos, especialmente durante o governo de Dwight D. Eisenhower (1953-1961), pela alta direção da empresa lá fundada (mas já multinacional) United Fruit. Era uma produtora de bananas, cultivando a fruta em alguns países da América Central. O dono da empresa teria sido convencido por seu diretor de marketing de que havia grande risco de perder a propriedade de suas terras e de de privilégios, como não pagar impostos, caso os presidentes que se sucederam Juan José Arévalo e Jacobo Árbenz não fossem impedidos de prosseguir com suas reformas. Forjaram-se argumentos infundados de que eles seriam comunistas aguerridos que tentavam criar na América uma porta de entrada para a URSS.  Foram envolvidos no ardil, além do governo norte americano (fundamental para o sucesso do projeto), países próximos à Guatemala, como a República Dominicana e a Nicarágua, já comandados por ditadores.  

Llosa faz uma interpretação histórica ampliada através destes eventos, defendendo a tese de que o que aconteceu no país centro-americano teve desdobramentos catastróficas em toda a América Latina. Teria contribuído para o fortalecimento das ditaduras e radicalização de movimentos políticos que buscavam saídas, favorecendo a manutenção de uma pobreza extrema para a grande maioria em suas populações. Na visão do autor, os EUA, ao impedirem a implantação de um regime orientado por valores autenticamente democráticos, acabaram contribuindo de modo decisivo para fazer surgir e alimentar os fundamentalismos que tanto vêm prejudicando as demandas e ações efetivas por progresso e justiça social nesta parte do planeta. Embora haja muita ficção entremeada aos dados de pesquisa do autor, o sentido que ele busca dar ao romance está firmemente atrelado à realidade do que se deu naquele período. Informa a respeito do que se passou em datas relativamente recentes e com efeitos que chegam aos nossos dias. Um dos objetivos da obra é desmentir a narrativa amplamente disseminada de que Jacobo Árbenz era um títere dos soviéticos. Por mais ingênuas que tenham sido as medidas tomadas pelo presidente guatemalteco durante seu governo não concluído (com relevo na desastrosa tentativa de fazer uma reforma agrária), para Llosa o que ele queria era um regime democrático capitalista em moldes norte-americanos. A tônica do livro, está nos desastres causados pela ganância desmedida de certos empresários e na estreiteza de horizontes somada à avidez por poder de muitos que conquistam ou tomam de assalto postos de grande importância na administração pública. Evidencia-se o aspecto mais trágico disto quando usam em seu benefício e sem nenhum pudor humanístico os povos a eles submetidos.

O texto é bastante sedutor, mesmo não sendo construído de modo muito linear e não sendo dos melhores livros do autor. O escritor peruano, que já ganhou o Prêmio Nobel, retomou algo do estilo de seus livros mais antigos, como “A Festa do Bode”, mostrando dinamismo e vigor literário num modo de narrar em que o leitor fica preso à descrição viva dos fatos e na veiculação de ideias, não em discussões teóricas sobre história ou ideologias.

Título da Obra: TEMPOS ÁSPEROS

Autor: MARIO VARGAS LLOSA

Tradutores: PAULINA WACHT E ARI ROITMAN

Editora: ALFAGUARA  

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s