O MUSEU LARCO

Quando os espanhóis chegaram ao Peru no século XVI encontraram uma surpreendente civilização, a dos Incas. O que aprenderam com e sobre eles foi rapidamente difundido pela Europa. No imaginário ocidental, até a atualidade, o que se sabe sobre o período pré-colombiano desta parte da América Latina parece restringir-se a isto. No entanto, muitos outros povos, com diferentes culturas, precederam a formação do Estado incaico. Este existiu por menos de duzentos anos antes da chegada dos conquistadores europeus. O Peru já era habitado por humanos havia milhares de anos. Pelo menos, dois mil anos antes de Cristo já havia ali civilizações. São exemplos as Culturas Cupisnique, Virú, Salinar, Vicús, Mochica e Recuay. Os Incas constituíram-se através da aglutinação dos povos que foram submetidos a um poder centralizado, num dado momento, fazendo surgir um grande Estado com organização político-social, administração pública, engenharia, astronomia, medicina e arte bastante sofisticadas. Em 1926 Rafael Larco Hoyle fundou um belíssimo museu de arqueologia em Lima, homenageando seu pai Rafael Larco Herrera. O núcleo inicial reside nos objetos encontrados e colecionados pelo pai e que acabaram por também encantar e estimular o filho na busca de tesouros guardados por terras antigas. A coleção cresceu. Peças de pedra, cerâmica, metal e tecidos foram coletadas, estudadas e organizadas. Dizem muito. Com elas, foi possível aprender sobre costumes, religiões, sistemas de controle da produção agrícola e de sistematização das relações sociais. Os métodos de pesquisa de Larco foram notáveis. O volume de informações tornou-se muito grande. Foi possível reconstruir a história do país. Os utensílios fabricados pelos Incas e, especialmente pelos que os antecederam, reunidos no Museu Larco tornaram-se fonte de conhecimento, de deleite estético e instrumento para a resgate da identidade dos povos andinos. A valorização dos povos do Peru, o amor pela História e a generosidade de Rafael Larco Hoyle merecem homenagem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s