CRÔNICA DA CASA ASSASSINADA

Lúcio Cardoso, hoje não tão lembrado como deveria ser, foi um homem carismático e escritor muito talentoso. Clarice Lispector dizia ser sua fã literária e fascinada também pelo homem que ele era. Este livro, “Crônica da Casa Assassinada”, talvez seja o mais interessante em sua obra. É a estória de uma família do interior de Minas Gerais. O enredo é construído pela soma de “falas” de seus vários personagens. Há muitas perspectivas pelas quais é possível olhar para estes personagens e isto ilustra a complexidade das relações familiares e a diversidade nos modos de significa-las. Nós leitores, aos poucos vamos nos posicionando dentro da narrativa, num texto extremamente envolvente. Ao aproximar-nos do final somos surpreendidos e remetidos a reflexões sobre o quanto podemos nos enganar quando lemos, vemos, ouvimos, interpretamos e pensamos compreender o que nos é contado. Lúcio Cardoso foi um desbravador em selvas de preconceitos, privados e públicos.

Título da Obra: CRÔNICA DA CASA ASSASSINADA Autor: LÚCIO CARDOSO Ficção brasileira Editora: Civilização Brasileira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s