DIÁRIO DE INVERNO

Apesar de existirem diversos modos para que uma pessoa descreva a si mesma, todos parecem tentativas destinadas à falha. É virtualmente impossível alguém dizer, diretamente e com suficiência, quem é. Mesmo que a intuição aponte para o contrário. Autobiografias e livros de memórias tendem à ficção sem que o pretendam. Em “Diário de Inverno” Paul Auster (Newark, EUA, 1947) mostra talento para falar de aspectos de sua vida. Usa a segunda pessoa. Parece dirigir-se a si, antes de outros. Recurso instigante. Sem construir uma narrativa linear, permite que o leitor entreveja o homem que ele é. Trata-se de uma coletânea de lembranças. E elas são críveis. Poderiam compor a história de muitos de nós. Usam fatos e referências sólidas para criarem um esboço sobre os afetos que dão estrutura ao autor, em sua dimensão pessoal. Auster busca alguma materialidade para ancorar suas impressões sobre o que viveu, o que crê ter sentido no passado e, especialmente, o que sente no presente em que escreve sobre eventos e pessoas. Atrela-se ao próprio corpo, veículo de seu existir, aos endereços em que residiu, lugares onde esteve, e sucedâneos. É frágil, é comum. Não subtrai informações que evidenciam isto. É também forte e raro, inclusive por isto. Assim, pode falar mais e melhor, mesmo quando não espera ter compreendido a si mesmo e ao mundo na extensão do seu projeto para isto. Define o momento em que se revela como o portal do inverno de sua vida. Todavia, não faltam elementos de primavera. Que para sorte dos que vivem muito, podem surgir em qualquer estação.

Título da Obra: DIÁRIO DE INVERNO

Autor: PAUL AUSTER

Tadutor: PAULO HENRIQUES BRITTO

Editora: COMPANHIA DAS LETRAS

auster

7 comentários

  1. Oi Luis! Estou adorando acompanhar suas resenhas. Você escreve muito bem. Ainda vai me convencer a abrir algum desses livros.
    Um abraço!
    Feliz 2018

    Curtir

Deixe uma resposta para Renata Di Pierro Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s